Use a Criatividade

11/02/2014

Imagem destaque

Confissões de um Marido Casado com uma Personal Organizer – Parte II

 

Quando eu era jovem, logo que tirei a licença para dirigir comprei um carro. Era um gol quadrado que naquela época não tinha nenhum opcional. Assim, a cada mês eu inventava alguma coisa nele. Coloquei vidros elétricos, travas elétricas, encosto esportivo, roda de liga leve, volante esportivo… demorou uns dois anos para eu ter o carro do jeito que eu queria. Cada modificação eu celebrava. Era fantástico. Depois disso tive vários carros, cada vez mais completos, mas esse é o que me dá mais saudade. Sempre falo para os meus filhos sobre ele e o gostinho de satisfação e conquista que ele me dava.

Hoje,  já tem até carro que estaciona sozinho. Existem aplicativos para solucionar praticamente todos os nossos problemas.  Me espantei quando vi um celular apitar um som estridente e quando olhei estava escrito “hora de beber água”.

Percebo que vamos deixando de lado nossa criatividade e deixamos de celebrar algumas coisas, porque tudo hoje em dia parece tão fácil.

Ainda bem que minha esposa é personal organizer e trouxe de volta a minha vida muita criatividade.

Ela criou soluções para quase tudo… meus apetrechos de corrida de rua, monitor cardíaco, meias especificas, relógio com GPS, sinalizadores para correr a noite, óculos de corrida, cinto de batimento cardíaco, garrafinhas de água, etc. Todas as minhas coisas foram colocados em vários compartimentos bem organizados. E sabe o que é mais legal? Não foi nenhum aplicativo que fez isso, mas um ser humano!

Já as minhas chaves, óculos e carteira, depois de várias tentativas falhas de guardá-los em mesinhas, aparadores e bancadas, achamos a solução em uma caixa pintada pela minha sogra que fica em cima da mesa do escritório. Ela é bem grande, com 40 cm x 25 cm x 10 cm, e jogo tudo lá dentro.

Viva! Nunca mais perdi tempo procurando as minhas coisas em casa!

Tem muitas soluções que os app não nos darão, pois nossa criatividade será sempre soberana.

Espero que possamos ainda olhar para uma vaga de estacionamento, usar o cérebro e a criatividade e perguntar: será que meu carro cabe aqui?

 

Rui Junior
Quem Escreveu?
Tati Godoy

Tati Godoy

Sou esposa, mãe e serva do Senhor, compartilho aqui, meus quase 20 anos de empresa. Limpando e organizando ambientes, atividades que me tiraram do fundo do poço, historia que conto no meu livro. Diário de uma organizadora compulsiva. Entre e sinta-se em casa. Se precisar é só me chamar. Beijinhos.